‘Meus Não Beijos’, a história da personagem Viçosense que conquistou o Brasil.

Conheça a história por trás do ‘Meus não beijos’.

Meus Não Beijos, personagem do Instagram criado pela recém formada em Comunicação Social-Jornalismo UFV, Núbya Fontes, é a mais nova sensação da internet no Brasil. Na última terça-feira 06, o perfil ganhou destaque em pelo menos cinco grandes portais de notícia por causa do seu conteúdo.  Veja também a entrevista para O Globo.

Tudo começou em 2014 quando sua criadora, zoada entre os amigos por nunca beijar ninguém, fez um perfil no qual aparecia de “vela” nas festas de Viçosa.

Até aí tudo bem, o perfil tinha 700 seguidores e já possuía notoriedade entre os estudantes da cidade. Só que na semana passada um blog do jornal O Globo no Twitter compartilhou em sua conta uma notícia de uma jovem americana que há 5 meses fazia o mesmo que Núbya. O estudante de Jornalismo, Cleomar Marin, amigo de Núbya, comentou na postagem dizendo que a estrangeira na verdade plagiava sua amiga, que fazia aquilo desde 2014. Núbya entrou na brincadeira e confirmou o fato. Horas depois o autor da matéria entrou em contato com Núbya, que deu a ele uma entrevista.

Uma semana depois, o portal publicou a notícia contando a história da mineira de Viçosa e seu personagem do Instagram. Depois disso seu conteúdo viralizou. Portais como Catraca Livre, Não Salvo, Surrealista e Sensacionalista, que possuem milhões de seguidores, também fizeram matérias falando sobre o seu personagem. Uma enxurrada de solicitações e mensagens no Facebook e Instagram obrigaram-na a desconectar de suas contas por algumas horas.

Em entrevista ao Viciosa, Núbya conta que não esperava tanta repercussão. Segundo ela a maioria dos fãs que entraram em contato elogiavam sua ideia, e  mandavam mensagens fofinhas dizendo que compartilhavam do mesmo sentimento de ser “vela” no rolê.

Infelizmente algumas pessoas preconceituosas questionaram, por exemplo, o fato de ter muitos beijos gays nas publicações. Fato que entristeceu Núbya que diz: “A intenção é compartilhar o amor, independente do sexo, cor, religião, etc.”

Mas, felizmente, a maioria das mensagens são bem humoradas e de apoio, e a repercussão foi positiva para o personagem, que aumentou em mais de 470% o número de seguidores em sua conta em menos de 24h.

“Meus Não Beijos é um personagem que representa de forma bem humorada pessoas comuns que em algum momento na vida se veem na condição de vela”. É o que salienta Núbya, que diz que pretende continuar em sua ’empreitada’ bem humorada.

E você? Já foi vela de alguém?

Confira algumas postagens:

#MEUSNAOBEIJOS COM PAIS DE FORMANDA PODE?! #naobeijomasformo

Uma publicação compartilhada por Meus não beijos (@meusnaobeijos) em

Por hora, acabou. Prometo não sumir (mas se eu sumir, desculpa) #meusnaobeijos

Uma publicação compartilhada por Meus não beijos (@meusnaobeijos) em

#meusnaobeijos #alternativeparty

Uma publicação compartilhada por Meus não beijos (@meusnaobeijos) em

Duas festas e varias bocas não beijadas. Não tá fácil. #meusnaobeijos #comunicajoao

Uma publicação compartilhada por Meus não beijos (@meusnaobeijos) em

Written by Ricardo Almeida
Lutando para formar em Jornalismo-UFV.